Reviravolta

CSA sofre virada em casa e segue no Z4 do Brasileirão

Azulão saiu na frente mas acabou perdendo por 2 a 1 para o Botafogo

POR: Smack Neto, 7 Segundos
CSA tomou a virada em pleno Rei Pelé
Foto: Carlos Ezequiel Vannoni/Eleven

O CSA sofreu uma virada dolorida para o torcedor que foi ao Rei Pelé. O placar de 2 a 1 para o Botafogo veio com um gol aos 48 do segundo tempo. O Azulão saiu na frente com Carlinhos, mas Cícero e Alex Santana marcaram os gols da vitória do Fogão. Com o resultado, o Azulão ficou na vice-lanterna da competição, com 6 pontos.

O jogo

O CSA começou sufocando o Botafogo com uma marcação alta e pressionando bastante o alvinegro carioca. Mas aos 6 minutos, Diego Souza recebeu na área e chutou no travessão. No rebote, o Fogão ainda assustou mais duas vezes a meta defendida por Jordi. O CSA se retraiu a partir daí e até os 25 minutos, o Botafogo controlou melhor a partida. A partir daí, o CSA teve um pouco mais de ofensividade e chegou a assustar.

Aos 31, o estreante Jonatan Gómez arriscou um chutaço de fora da área, obrigando Diego Cavalieri a fazer grande defesa. O lance animou o time, que ainda teve pelo menos mais duas boas chances com o zagueiro Gérson, de cabeça, e Matheus Sávio chutando colocado para uma grande defesa de Cavalieri. Mas no final, o zero persistiu no placar até o intervalo.

No segundo tempo, o Azulão voltou melhor e pressionando um Botafogo que parecia lento e encurralado pela intensidade do Azulão. O volume de jogo deu resultado e aos 16 minutos, o estreante Jonatan Gómez arrumou um lançamento espetacular e Carlinhos, de cabeça, testou de peixinho para o fundo do gol. Primeiro gol do lateral-esquerdo desde 2015.

Depois do gol, o Fogão se lançou com tudo para frente, buscando ao menos empatar a partida. Aos poucos, a intensidade do CSA foi diminuindo e os cariocas foram tomando conta do jogo. Jordi fez duas boas defesas, mas na terceira chance não teve jeito. Após cruzamento vindo da esquerda, Diego Souza escorou e Cícero empurrou a bola pro fundo do gol azulino aos 37 da segunda etapa.

Nos últimos minutos, o time do CSA aparentou muito cansaço e o Botafogo seguiu com mais presença ofensiva. Tanto que nos acréscimos, após cobrança de escanteio, Diego Souza ajeita com o peito, Carlinhos levanta, Fernando chuta em cima de Jordi. No rebote, cruza, e Alex Santana guardou. Que virada aos 48 do segundo tempo e que banho de água fria para a torcida que lotou o Rei Pelé..

O próximo compromisso do Azulão será no meio de semana, contra o Flamengo, em Brasília, no jogo que a diretoria vendeu o mando de campo. A partida acontece no Mané Garrincha, às 21h30.

Botafogo brasileirão CSA Série A

Veja Também

Comentários