Série B

CRB sai na frente, mas perde de virada para o Operário

Galo saiu na frente com Willians Santana, mas uma falha de Igor acabou mudando a história da partida

POR: Smack Neto , 7 Segundos
CRB perde de virada para o Operário-PR
Ascom / Operário

O CRB começou até bem, mas acabou sendo derrotado pelo Operário-PR. O placar de 2 a 1 acabou sendo construído após um vacilo do lateral-esquerdo Igor, que tentou proteger a bola para ganhar um lateral e acabou dando a bola de presente para o gol de empate. Na próxima rodada, o CRB recebe o Criciúma no Rei Pelé, às 21h30, na próxima terça-feira (23)

 

O jogo

 

O CRB começou o jogo com um susto. Logo aos dois minutos, após um escanteio, o Operário colocou uma bola na trave após uma cabeçada. O time da casa, embalado por sua torcida, começou pressionando e trabalhou em busca do gol. Sem o capitão Victor Ramos, o setor defensivo acabou sofrendo muito, concedendo chances ao adversário principalmente em chutes de fora e nas bolas aéreas. 

 

Mas ainda assim, o CRB teve as suas virtudes na primeira etapa. Conseguiu criar algumas oportunidades e pressionou bem a saída de bola do adversário, forçando alguns erros. Em um deles, Willians Santana roubou a bola, tabelou com Alisson Farias, deu um drible desconcertante no zagueiro e finalizou sem chances. Golaço para abrir o marcador aos 28 minutos.

 

O gol não mudou a tônica da partida. O Operário seguiu tentando pressionar o Galo, que se defendia e ainda tentou encaixar mais contragolpes. No final do primeiro tempo, 1 a 0 para o time comandado por Marcelo Chamusca.

 

O segundo tempo começou promissor para o Galo. Logo no início, Willie chutou na trave após contra ataque rápido e quase ampliou o marcador. O CRB parecia melhorar na partida e o Operário diminuía o seu ímpeto. Contudo, um erro capital mudou a história da partida. Aos 15 minutos, Igor falhou de forma clamorosa tentando proteger a bola para ganhar um lateral, Clayton recuperou a bola e cruzou na medida para Lucas Batatinha só empurrar para o fundo das redes.

 

A partir daí, o Operário se animou e aumentou a pressão. Aos 23 minutos do segundo tempo, após finalização de fora da área, Felipe Augusto aproveitou o rebote e marcou o gol da virada.

 

O técnico Marcelo Chamusca tentou colocar o time mais a frente com Léo Ceará e Hugo Sanches, mas o Galo não conseguiu manter uma pressão forte sobre os donos da casa. No final, o Galo voltou a ser derrotado e perdeu uma grande oportunidade de conquistar pontos jogando longe do Rei Pelé.

CRB Operário série B

Veja Também

Comentários