Mudança

Com CT em risco, CSA vai sair da sua sede no Mutange

Presidente do clube comunicou a mudança em entrevista a rádio Pajuçara

POR: Torcedores.com
O bairro do Mutange abriga a sede do CSA
Reprodução/Internet

O CT Gustavo Paiva está localizado no bairro Mutange e terá que ser evacuado por ser uma área de extração de sal gama, sob responsabilidade da petroquímica Braskem. A região onde fica o centro de treinamento do CSA sofreu um tremor de 2,7 graus na escala Richter, em março de 2018, que desencadeou uma série de problemas que se arrastam até hoje. Com isso, as instalações do CT estão afundando.

A Braskem entregou um relatório na tarde do último dia 19 de novembro à Defensoria Pública do Estado de Alagoas, Prefeitura de Maceió e à Justiça Federal explicando a situação. O processo de desocupação, segundo a empresa, ocorre para que o  fechamento das  minas de exploração de sal-gema no bairro onde se encontra o clube possa ser feito de forma segura. O CSA deve receber uma indenização de cerca de R$ 6,2  milhões da empresa que faz parte do grupo Odebrecht.

Em entrevista a rádio Pajuçara na noite da última quinta-feira (22), o presidente azulino, Rafael Tenório, confirmou a saída da sede do clube e já adiantou onde o CSA irá trabalhar a partir de 2020. O mandatário afirmou que o clube deve sair da sua sede atual até o dia 10 de dezembro, transferindo as atividades para o Estádio Nelson Peixoto Feijó, antiga casa do Corinthians Alagoano, na Via Expressa. O Aluguel do espaço será pago pela Braskem. Tenório ainda revelou que o contrato de aluguel prevê uma cláusula de compra em valor já estiuplado.

Dentro de campo, o CSA também está em uma situação de calamidade: o time ocupa a 18ª posição com 29 pontos no Campeonato Brasileiro, a 7 pontos do Cruzeiro, primeiro clube fora da zona de rebaixamento. Os comandados de Argel Fucks enfrentam o Fluminense, em um confronto direto, na segunda, 25 de novembro. O jogo será no Estádio Rei Pelé, às 20h.

CSA mudança Mutange Nelsão

Veja Também

Comentários