Indefinição

Alecsandro vive período de incerteza no CSA

Atacante tem contrato até 30 de abril e ainda não foi procurado para prolongar o vínculo

POR: 7Segundos
Alecsandro, atacante do CSA
Augusto Oliveira / ASCOM CSA

Aos 39 anos, Alecsandro vive uma incerteza na sua vida. O contrato com o CSA vai até o dia 30 de abril e ele ainda não foi procurado pela diretoria do Azulão para prorrogar o seu vínculo.

Diante do momento instável no futebol nacional por conta da COVID-19, o centroavante deixou claro que a sua intenção é ficar no clube e não prevê dificuldades na hora da conversa com a diretoria.

'A diretoria do CSA conversou comigo antes da parada do vírus, e deixei eles à vontade. Sei que têm coisas muito importantes para resolverem no momento. Se o presidente Raimundo Tavares me ligar, ou o próprio Marcelo Barbarotti, executivo de futebol, a gente renova em dois minutos’, comentou Alecsandro ao repórter Warner Oliveira, da Rádio Gazeta.

‘Eu tinha um aval do presidente, de uma possível renovação, mas vamos aguardar. A gente espera que possa voltar a jogar, voltar a fazer gols, que é o que a gente gosta’, concluiu.

No CSA desde a temporada passada, Alecsandro sofreu uma fratura no tornozelo e teve o seu desempenho prejudicado. No total, ele marcou apenas três gols, números bem abaixo para um goleador que se acostumou em balançar a rede do rival.

Alecsandro Contrato CSA renovação

Veja Também

Comentários