passaporte

Sinpofal defende implantação de posto avançado na região Norte

POR: 7Segundos
Flávio Moreno
Arquivo Pessoal

O agente da Polícia Federal e presidente do Sindicato dos Policiais Federais (Sinpofal), Flávio Moreno, relatou durante entrevista ao programa Primeira Página, da Rádio Maragogi FM, a importância da criação de um posto avançado da PF na região norte de Alagoas. Além de frear crimes como o tráfico de drogas na região, a ideia é que no posto também sejam emitidos passaportes para os cidadãos brasileiros que pretendem realizar viagens internacionais.

Segundo Moreno é uma reivindicação antiga da categoria que enxerga aquela região, sobretudo Maragogi, como uma área fronteiriça e um polo turístico. “Para nós é mais que necessário ter uma delegacia nossa na região Norte, especificamente em Maragogi. A cidade é um polo turístico. Recebe turistas o ano inteiro e sobre a questão do passaporte, o sindicato dos policiais federais colocará isso como pleito e assim temos conquistados nossas reivindicações, e esse pleito vai entra na nossa pauta", esclarece Moreno.

Passaporte
Sobre a emissão de passaportes, Moreno lembra que existem alguns requisitos para o requerimento do passaporte. É preciso fazer um agendamento na PF da documentação necessária para a emissão do documento, também deve ser feito um requerimento online para esse atendimento na Polícia Federal. É pago uma Guia de Recolhimento da União (GRU) para a emissão do passaporte. Também é preciso que o cadadão brasileiro tenha votado nas últimas eleições, além de levar cédula de identidade, e pegar antecedente (nada consta) para a requisição. E ainda certidão de nascimento, de casamento e de serviço militar, entre outros documentos, para - em seguida - a PF emitir o passaporte. Com o posto em Maragogi, o tempo de entrega de passaporte em Alagoas seria reduzido", alerta o presidente do Sinpofal.

Moreno ainda lembrou que qualquer cidadão que tenha qualquer tipo de denúncia no âmbito federal deve entrar em contato com a Superintendência da Polícia Federal, através do telefone (82) 3236 – 6767. O cidadão também pode se encaminhar direto para a sede da Polícia Federal, no bairro de Jaraguá, em Maceió. No caso das ligações telefônicas, a denúncia pode ser feita anonimamente.

Denúncias de tráfico de drogas, corrupção e fraudes no INSS são as mais comuns.

Flávio Moreno Maragogi passaporte PF Polícia Federal posto avançado

Comentários