Maria da Penha

Prefeita acusa ex-marido de agressão

POR: Acesse Política
A decisão judicial ainda determina que o ex-marido suspenda qualquer tipo de comunicação
Arquivo Pessoal

O ex-prefeito da cidade de Palmópolis no estado de Minas Gerais foi alvo de uma medida protetiva de urgência (Lei Maria da Penha) impetrado pela prefeita de Jucuruçu, Uberlândia Carmos Pereira (PSD). A medida foi deferida pelo juiz Rodrigo Quadros de Carvalho da comarca de Itamaraju determinando que Arivaldo de Almeida Costa conhecido como ‘Lili’, ex-marido da prefeita, se afaste do local onde convivia com a ofendida por distância mínima de 200 metros.

A decisão judicial ainda determina que o ex-marido suspenda qualquer tipo de comunicação e que cesse qualquer tipo de agressão física e moral contra a prefeita Uberlândia sob pena de decretação de sua prisão preventiva.

Na medida protetiva, publicada no último dia 4 de junho, o juiz ainda determina que ‘Lili’ seja intimado e que o que o Ministério Público Estadual (MPE) tome ciência da decisão.

agressão Maria da Penha Minas Gerais prefeita

Veja Também

Comentários