Tentativa de homicídio

Sindpol irá recorrer decisão judicial que decretou prisão de policial

Gilberto Ferreira é acusado da tentativa de homicídio contra o vereador Edivaldo de Souza

POR: Marcos Filipe Sousa
Welton Roberto
Assessoria

O diretor jurídico do Sindicato dos Policiais Civis de Alagoas (Sindpol-AL), José Carlos, confirmou que a entidade irá recorrer da decisão judicial que deferiu a prisão preventiva do policial Gilberto Ferreira dos Santos por tentativa de homicídio contra o vereador Edivaldo de Souza dos Santos.

Para Welton Roberto, advogado que acompanha o caso, a decisão precipitada. “Não há sequer comprovação de tentativa de homicídio. Foi baseada em um problema entre os dois que foi resolvido meses antes”.

De acordo com a investigação, a Evaldo teria se desentendido com o policial porque se dizia ser o verdadeiro proprietário de um terreno na região de Lagoa do Pau, litoral Sul.

"O vereador foi enganado por uma estelionatária que saiu vendendo terrenos em Coruripe. Guilberto não tinha interesse nenhum já que a situação estava voltada para uma estelionatária que aplicou os golpes nas vendas de terrenos”, colocou o advogado.

O advogado irá solicitar a revogação da prisão preventiva à Justiça.

 

coruripe Tentativa de homcídio Vereador

Veja Também

Comentários