Segurança

108 pessoas são presas na manhã deste domingo (07) em todo o Brasil

Até às 12h em Alagoas 15 pessoas foram presas

POR: Notícias ao Minuto
O número preliminar de presos nestas eleições está ainda bem abaixo do registrado nas eleições de 2014
Reprodução

Cento e oito pessoas, incluindo seis candidatos, foram presas em todo o Brasil, neste domingo (07) até às 12h, segundo boletim da Operação Eleições 2018, coordenada pelo CICCN (Centro Integrado de Comando e Controle Nacional) do Ministério da Segurança Pública.

Já em Alagoas o número é de 15 pessoas presas ao todo. Segundo o boletim do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), duas pessoas foram presas por fazer boca de urna, uma por transporte ilegal de eleitores e outras 12 pessoas por outros motivos. 

Em todo o Brasil, a maior parte dos detidos, 83, era de cabos eleitorais. Os nomes dos candidatos presos não foram divulgados. Os dados foram encaminhados pelas secretarias de Segurança Pública nos Estados e pelos órgãos federais de segurança, como a Polícia Federal. A operação havia registrado, até as 12h, dez casos de compra de votos, 71 de boca de urna e 65 de propaganda eleitoral irregular.

Houve 19 casos de transporte irregular de eleitores. Nos crimes comuns cometidos contra os candidatos, foram registrados quatro roubos, quatro lesões corporais e uma ameaça. Os nomes das vítimas também não foram divulgados. Segundo o CICCN, estados, municípios e União mobilizam 237 mil servidores públicos neste domingo (07).

O número preliminar de presos nestas eleições está ainda bem abaixo do registrado nas eleições de 2014. Segundo balanço divulgado ao final do dia naquela eleição de primeiro turno, foram presos 80 candidatos e 1.129 eleitores.

boca de urna compra de votos eleições 2018 Ministério da Segurança Pública propaganda irregular

Veja Também

Comentários