Benedito Bentes

Polícia trabalha com outras linhas de investigação em envenenamento de jovem

Delegado não descarta a possibilidade de suicídio

POR: 7Segundos
Delegado Ronilson Medeiros
Assessoria

Ronilson Medeiros, da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), responsável pelas investigações da morte do jovem Rafael José Calheiros dos Santos, de 21 anos, informou que a Polícia Civil (PC) está trabalhando outras possibilidades acerca do envenenamento do rapaz. 

A Polícia Civil está esperando o resultado dos laudos do Instituto Médico Legal (IML) e dos exames do Hospital Geral do Estado (HGE) para saber qual veneno foi injerido pelo rapaz. Segundo as primeiras informações, Rafael teria injerido o produto junto com um achocolatado. O delegado quer saber se o material jpá estava dentro do frasco do alimento ou foi colocado diretamento no copo.

A família do rapaz aponta a ex-namorada como a pessoa que envenenou Rafael, mas a moça nega as acusações e disse que não estava na residência do ocorrido. Uma nova informação é de que um susposto amigo estava na residência no jovem no momento do ocorrido. A terceira linha de investigação e que não foi descartada pela polícia é a de suicídio.

Rafael dos Santos não resistiu e faleceu no HGE no último final de semana, onde estava internado na UTI em estado de coma.

envenenamento jovem suposto

Veja Também

Comentários