tv

‘Tá no Ar’ satiriza Bolsonaro em paródia da Vila do Chaves

Vila Militar do Chaves foi um dos quadros do 'Tá no Ar' dessa terça (15)

POR: Terra
Vila Militar do Chaves foi um dos quadros do 'Tá no Ar' dessa terça (15)
Reprodução

A sexta e última temporada do ‘Tá no Ar: A TV na TV’ teve início na noite dessa terça-feira (15) e contou com o quadro a Vila Militar do Chaves, paródia do seriado mexicano e que faz grande sucesso no Brasil há décadas.

O quadro satirizou o atual presidente do País, Jair Bolsonaro. Marcelo Adnet foi o responsável pela imitação, usando traje militar. Na atração, o “presidente” chama o Seu Madruga de “VA-GA-BUN-DO” por estar desempregado, pedindo a prisão do sujeito na sequência. Na sequência, repete o “VA-GA-BUN-DO” para Chaves ao saber que ele mora em um barril.

Outro personagem xingado no quadro foi o professor Girafales, que também foi acusado de pregar “ideologia de gêneros” e difundir o “kit gay”. Em determinado momento, Chiquinha estava chorando e o presidente, que é apresentado como novo dono da Vila, ocupando o espaço do Seu Barriga, acusa Chaves de ter “dado uma fraquejada”.

Dona Florinda também está errada na história, por liderar uma família desajustada e também por usar a cor azul. “Tá tudo errado nisso daí”, afirmou. E Quico seria assim, por ser “efeminado”.

Por fim, Adnet, que interpreta Bolsonaro, manda demitir a plateia, que está rindo dele, mas volta atrás, uma atitude já vista no atual governo. Ele brinca ao perceber que havia demitido quem poderia demitir a plateia.

O quadro rendeu uma série de elogios e comentários nas redes sociais, com diversos internautas chamando Adnet de “genial” e também de “maravilhoso”.

chaves ta no ar Vila

Veja Também

Comentários