FISCALIZAÇÃO

Agentes encontram celular escondido em tubo de pomada no Sistema Prisional

Aparelhos seriam entregues a reeducando do Presídio Cyridião Durval

POR: Redação, com assessoria
Com uso do raio-x, profissionais identificaram celular dentro de tubos de pomada
Jorge Santos

Nesta terça-feira (5), o trabalho eficiente dos agentes penitenciários da Secretaria de Ressocialização e Inclusão Social (Seris) impediu a entrada de ilícitos no sistema prisional. Durante a entrega de medicamentos para os reeducandos, realizada por visitantes, foi identificada a presença de um celular dentro de um tubo de pomada. 

O material seria entregue ao reeducando Wesley Holland, que cumpre pena no módulo 3 do Presídio Cyridião Durval e Silva. A equipe de agentes penitenciários, por meio do uso dos equipamentos de revista, como a máquina de raio-x, verificação manual e experiência profissional, verificou a presença do ilícito.

"O tempo de profissão faz com que tenhamos uma percepção diferenciada das situações. É a experiência que nos torna mais hábeis para detectar essas tentativas de burlar a segurança. O reeducando já foi retirado do módulo e vai responder um Procedimento Administrativo Disciplinar (PAD)", destacou o chefe do Presídio Cyridião Durval, Cévio Freitas.

raio-x tubo de pomada

Veja Também

Comentários