Ação policial

PF combate fraude ao INSS com o uso de documentos indígenas

tilizando dos documentos fraudulentos, o investigado conseguia requerer aposentadorias e outros benefícios oferecidos pelo INSS

POR: Assessoria
PF combate fraude ao INSS com o uso de documentos indígenas
Assessoria

A Delegacia de Polícia Federal em Ponta Porã/MS cumpriu Mandados de Prisão e de Busca e Apreensão na cidade de Amambai/MS. O alvo da ação era um homem de 38 anos, o qual usava a própria residência para falsificar documentos indígenas e, utilizando destes, cometer fraudes no INSS. Utilizando dos documentos fraudulentos, o investigado conseguia requerer aposentadorias e outros benefícios oferecidos pelo INSS, chegando até mesmo a realizar empréstimos consignados.

Segundo a investigação, as fraudes ocorrem desde 2005 e o alvo se dedicava exclusivamente a esta atividade ilícita. O prejuízo aos cofres públicos ainda não foi dimensionado. Contudo, a partir da grande quantidade de documentos apreendidos, os Policiais Federais poderão mensurar o dano ao erário.

Ainda foram apreendidos computadores e aparelhos celulares, tendo sido o preso levado para a Delegacia da Polícia Federal em Ponta Porã/MS para os procedimentos referentes à sua prisão.

A Polícia Federal busca efetuar forte combate a esse tipo de delito, pois falsificações e fraudes como esta prejudicam a todos aqueles que efetivamente necessitam da previdência e dos benefícios assistenciais.

Galeria de Fotos


busca e apreensão fraudes INSS investigação mandados de prisão Polícia Federal

Veja Também

Comentários