Avanços!

Escola 10 entrega premiação de R$ 20 milhões a cidades alagoanas

Cidades como Cacimbinhas irão receber R$ 1 milhão em incentivos

POR: 7Segundos
Projeto que incentiva educação distribuirá R$ 20 milhões
7Segundos

O governador de Alagoas, Renan Filho (MDB), distribuiu na manhã desta terça-feira (19), R$ 20 milhões em prêmios para cidades alagoanas que cumpriram metas do projeto de inclusão e desenvolvimento criado pela Secretaria de Educação Estado, o Escola 10. Lançado no ano de 2018, o objetivo do projeto é afastar Alagoas de índices negativos na área de educação. A cermiônia foi realizada no Centro Cultural e de Exposições Ruth Cardoso.

O governador citou o caso do prefeito Hugo Wandeley (MDB), de Cacimbinhas, que deverá receber o prêmio de R$ 1 milhão para investimentos na educação, por bater as metas do Escola 10. “O projeto deu certo por que conseguimos integrar esforços do estado e dos municípios, assim realizamos maior crescimento em qualidade da educação. ”

Metas
Renan Filho também divulgou as metas do governo do estado para o ano de 2019 na área de educação. “Alagoas precisa mudar muitas coisas e nós estamos trabalhando para melhorar a segurança, saúde, infraestrutura, mas a mudança só será mesmo verdadeira, qualitativa se a gente mudar a educação, por isso o Escola 10 é tão importante. O programa eleva a qualidade da educação, valoriza o profissional da educação estimula prefeitos a cumprirem metas ambiciosas". Para 2019 a meta o estado é colocar a educação de nível médio em Alagoas entre os dez primeiros do estado. "Atualmente o estado ocupa o 16° lugar e subiu 11 posições desde o Escola 10. A meta é colocar Alagoas entre os 10 primeiros."

Já em referência aos municípios, o governador esclareceu que a meta é que 100% das cidades cumpram a meta estabelecida pelo Ministério de Educação (MEC), em referência ao resultado do Ideb. No ano passado o estado estava entre os três estados em que seus municípios mais cumpriram a exigência do MEC, perdendo apenas para o Ceará e Minas Gerais. “O Ceará é referência em educação e Minas é um estado muito mais rico. Foi muito satisfatório.”

O governador também parabenizou o vice, e também secretário de educação, Luciano Barbosa (MDB), pelos avanços e falou em “pacto” e “esforço coletivo” para garantir os avanços na educação que o estado precisa “Se tem uma coisa que me incomodava muito, muito mesmo, era quando eu ainda prefeito ou deputado federal, caminhava pelo Brasil e o cidadão me perguntava por que Alagoas era sempre o último colocado em educação do país", explicou o chefe do Exceutivo ao comemorar o deslocamento do estado no ranking.

educação Escola 10 Renan Filho

Veja Também

Comentários