Política

Cabo Bebeto e presidente da ACS se estranham sobre acordo da categoria com Governo

Deputado disse que não se sente representado pelas associações e que não teve acesso aos acordos

POR: 7Segundos
Cabo Bebeto e presidente da ACS se estranham sobre acordo da categoria com Governo
Reprodução/Vídeo

O deputado estadual, Cabo Bebeto (PSL), negou envolvimento com associações militares e contestou acordos feitos por elas e o Governo do Estado dando, o que causou mal-estar com o presidente da Associação de Cabos e Soldados (ACS), Wellington Pereira da Silva, que cobra o cumprimento dos acordos feitos com a categoria.

Em vídeo, o parlamentar afirmou que não tem boa relação, com a ACS e seu presidente, mesmo, como militar, fazendo parte da associação, e que apesar disso, continua lutando pelas demandas da corporação, reafirmando o compromisso com os policiais, já que segundo ele, conhece o dia-a-dia.

Ainda de acordo com o deputado, as demandas, como mudança de regulamento, lei de promoção, não são simples, e que cabe ao poder legislativo tratar do assunto.

“É um colegiado, a gente precisa convencer os colegas. Eu estou há 15, 18 dias de mandato, só teve duas sessões na assembleia, eu peço a sua paciência que a gente está trabalhando todos os dias”, afirmou Bebeto.

Cabo Bebeto ainda colocou em dúvida os acordos feitos com o governo, que segundo ele, nunca foram vistos pela tropa.

“Foram acordos que, segundo eles, entre associações e o Governo, acordos que nem você, nem eu, nunca viu. Segundo eles, o Governo não está cumprindo. Cumprindo com o quê? Você viu alguma vez algum documento sobre isso? Então não adianta eles chegarem agora, para uma pessoa que eles nunca quiseram perto, que se aproxime”, salientou.

Wellington se disse surpreendido pela declaração, e disse que o acordo foi feito durante reunião, que contou com a presença do comandante geral da Polícia Militar, o comandante geral do Corpo de Bombeiros Militar, e o Secretário de Segurança Pública, Coronel Lima Júnior, que foi o mediador das negociações, e que todo acordo foi publicado no Boletim Ostensivo da PM e do CBM.  

O presidente da ACS ainda afirmou que não tem nenhuma desavença com o deputado, e que sempre procurará o deputado para tentar resolver questões ligadas aos militares, já que Bebeto teria sido eleito pela categoria.

acordo cabo bebeto governo militares presidente da ACS Wellington Pereira

Veja Também

Comentários