modernização

Projeto de segurança do TJSP é apresentado à Corte alagoana

Entre as ações postas em prática na Corte Paulista estão a criação de um centro de monitoramento, controle de acesso nas unidades e reconhecimento facial de visitantes

POR: Dicom TJAL
Diretor Gustavo Marchiori compartilhou o projeto de segurança desenvolvido para o TJSP
Adeildo Lobo

O presidente do Tribunal de Justiça de Alagoas (TJAL), Tutmés Airan, recebeu nesta quinta-feira (21) representantes da empresa Informática El Corte Inglés, que apresentaram o projeto de segurança institucional desenvolvido para o TJ de Sâo Paulo. Entre as ações postas em prática na Corte Paulista estão a criação de um centro de monitoramento, controle de acesso nas unidades e reconhecimento facial de visitantes.

"A ideia é tentar reproduzir em Alagoas o que se faz em São Paulo, evidentemente que ajustado à nossa realidade, inclusive realidade financeira", explicou Tutmés Airan. Ainda segundo o desembargador, a empresa deverá apresentar um modelo de segurança para o Fórum de Maceió.

"Em São Paulo o número de unidades é enorme. Aqui, começaríamos com o Fórum da Capital e depois poderíamos levar o projeto para outras unidades", ressaltou.

Para o diretor de unidade de negócios da empresa, Gustavo Marchiori, o tema da segurança não pode ser deixado de lado pelo Judiciário. "O trabalho da Justiça é muito sensível, então segurança é sempre um assunto importante e essa segurança precisa ser inteligente e integrada".

O diretor explicou ainda que, além do videomonitoramento e do controle nos acessos aos edifícios, foram entregues aos magistrados de São Paulo botões de alarme. "Caso se sintam ameaçados ou haja alguma ocorrência, eles podem apertar esse botão e o centro de operações vai demandar uma operação específica para tratar o problema, que pode ser enviar um policial ou mandar um equipe de segurança para o local", afirmou.

Também participou da reunião o presidente do Fundo Especial de Modernização do Poder Judiciário de Alagoas (Funjuris), juiz Maurício Brêda.

justiça presidente tribunal de justiça de alagoas Tutmés Airan

Veja Também

Comentários