aguardando um fim

Moradores aguardam apreensivos decisão sobre bens da Braskem

Juiz que está com a solicitação do bloqueio de bens já afirmou que tratará assunto com cautela

POR: Marcos Filipe Sousa
Juiz Pedro Ivens está com o processo
Ascom Almagis

Moradores do bairro do Pinheiro estão aguardando apreensivos a decisão do Judiciário sobre o bloqueio de bens da Braskem proposta pela Defensoria Pública e o Ministério Público Estadual (MP-AL).

Fernanda Valeira é moradora do bairro há 40 anos e participa do Movimento SOS Pinheiro. Ela explicou que as famílias possuem o mesmo pensamento. “Se o pedido não for acatado, seremos ainda mais vitimados”.

“Não há dúvidas do que está acontecendo é causado pela mineração. Está claro no mapa”, completou.

A moradora ainda disse que os moradores não aceitarão um resultado negativo do pedido. “Isto que está acontecendo é fruto da nossa pressão. Há um ano, o relatório estava dentro da gaveta”.

Fernanda mora há 40 anos no bairro, além de ter familiares também habitando na região. “Ainda não consegui encontrar um imóvel para a minha mudança”.

O juiz Pedro Ivens da 2°Vara Civil da Capital é quem está estudando o pedido. No início da semana, através da assessoria de comunicação do Tribunal de Justiça (TJ-AL), o magistrado informou que o processo pede cautela e não definiu prazo para sair a decisão.

bens bloqueio Braskem pedido processo

Veja Também

Comentários