nota

Rui Palmeira diz que atitude dos servidores "desrespeita a autonomia do Poder Legislativo"

Sessões na Câmara desta semana foram suspensas

POR: 7Segundos
Rui Palmeira, prefeito de Maceió
Pei Fon/ Secom Maceió

O prefeito de Maceió, Rui Palmeira (PSDB), emitiu uma nota no fim da tarde de hoje (09) após o confronto entre policiais e servidores municipais na Câmara de Maceió que resultou em depredação física do prédio do Legislativo.

Palmeira diz que a atitude dos servidores "desrespeita a autonomia do Poder Legislativo" e espera que outros fatos como esse não ocorram.

O que está em jogo é a quebra de braço entre o prefeito e os servidores que não concordam com as mudanças apresentadas aos vereadores, por meio de projeto de lei, que muda o Estatuto dos Servidores Públicos de Maceió. 

Leia a nota na íntegra: 

Nota de Solidariedade

O prefeito de Maceió, Rui Palmeira, lamenta o ocorrido na Câmara Municipal da capital nesta terça-feira (09), ao tempo em que condena o vandalismo praticado por servidores públicos e outros, numa inaceitável tentativa de intimidação, e presta total solidariedade aos vereadores.

Uma atitude como essa desrespeita a autonomia do Poder Legislativo do Município e compromete a imagem do próprio funcionalismo, numa conduta reprovável de quem, na essência da função pública, deve primar pelo diálogo e pela paz.

Protestos fazem parte do estado democrático de direito, mas invasão, depredação de patrimônio, causar ferimento a outrem, como foi o caso do militar da PM ferido na cabeça por um manifestante, não representam em nenhuma hipótese a democracia, ao contrário, nos dias de hoje, nos remetem à violência a qual rejeitamos em quaisquer circunstâncias.

Por fim, espera-se que fatos como esses não voltem a acontecer e que prevaleça, sempre, o ponto pacífico em qualquer debate de interesse público.

Prefeitura de Maceió

Câmara Municipal confronto nota Rui Palmeira

Veja Também

Comentários