Caso Guilherme Brandão

Investigado por matar dono do Maikai vai ser julgado nesta quinta-feira (14)

Crime que vitimou Guilherme Paes Brandão ocorreu em 2014

POR: Redação, com assessoria
julgamento deve acontecer nessa quinta-feira (13)
Reprodução

O réu Marcelo dos Santos Carnaúba será levado a júri popular, nesta quinta-feira (14), pelo assassinato do empresário Guilherme Paes Brandão em 2014. A sessão terá início às 8h, no Fórum do Barro Duro. A sessão será conduzida pelo juiz Geraldo Cavalcante de Amorim, na 9° Vara Criminal.

De acordo com os autos, o réu trabalhava para a vítima em uma casa de shows localizada no bairro Jatiúca. Marcelo Carnaúba era gerente administrativo, acumulando ainda a gerência financeira do estabelecimento.

Ainda segundo os autos, o acusado efetuou disparo contra Guilherme Brandão para que o proprietário não descobrisse o desvio de dinheiro que havia feito na empresa.

Em depoimento, Marcelo confirmou ser o autor do disparo que resultou na morte do empresário. Disse que estava sofrendo pressão por conta dos problemas financeiros da casa de shows. Afirmou ainda que a arma foi comprada por ele um dia antes do crime e que só efetuou o disparo porque se sentiu ameaçado.

Assassinato Guilherme Brandão Maikai

Veja Também

Comentários