Chacina em bar do Rio de Janeiro deixa 4 mortos e 11 feridos

O grupo que tocava no local fez uma transmissão ao vivo minutos antes do acontecido

POR: Extra
Chacina em bar do Rio de Janeiro
Extra

Ao menos quatro pessoas morreram e onze ficaram feridas, na noite deste sábado, após serem baleadas em um bar em Belford Roxo, na Baixada Fluminense. Segundo testemunhas, por volta por volta das 21h, homens encapuzados e armados de fuzis e pistolas desceram de um carro branco, ainda não identificado, e dispararam tiros em direção ao bar Rei do Peixe. O alvo do crime, segundo testemunhas, seria um miliciano.

— Estavamos esperando nossa comida chegar quando eu vi um homem com roupa preta, capuz e de fuzil chegando no bar. Parecia coisa de filme. Só deu tempo de me jogar no chão junto do meu filho e minha neta de 3 anos. Lá estava cheio de crianças — contou uma das vítimas, que não quis ser identificada.

No local morreram Elaine Menezes, de 36 anos, e Jorge Vitor, que era músico e estava participando de um show no restaurante. Um outro homem e uma mulher, ainda não identificados também morreram no bar. Em uma rede social, a banda Nosso Grupo lamentou a morte de Jorge que era percussionista e estava tocando surdo durante o show. Minutos antes dos disparos, o grupo fez uma transmissão ao vivo no Facebook.

Segundo o Corpo de Bombeiros, a corporação resgatou um homem que foi baleado de raspão. Os outros feridos foram socorridos para hospitais próximos por amigos e familiares. No Hospital Geral de Nova Iguaçu, das dez pessoas baleadas que deram entrada, uma mulher, ferida de raspão nas nádegas, recebeu alta. Os outros continuam internados na unidade.

chacina milícia rio de janeiro

Veja Também

Comentários