urbano

Hotéis reclamam de ocupação de ambulantes na orla da capital

Proprietários também falam de excesso de vans de passeio que abordam as pessoas

POR: 7Segundos com Assessoria
Orla de Maceió
Pei Fon/ Secom Maceió

Além do problema de ordenação no Centro da capital, a Prefeitura de Maceió terá que lhe dar com o mesmo problema na orla. É que os hotéis estão reclamando da quantidade de ambulantes que comercializam no calçadão.

O presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis de Alagoas (ABIH-AL), Milton Vasconcelos, conta que muitos turistas se incomodam com a abordagem e a quantidade de comerciantes nas calçadas e na praia. Além disso, os artesãos e comerciantes formalizados, que ficam na feirinha da Pajuçara e no Pavilhão do artesanato, acabam sendo prejudicados com a concorrência.

Outro ponto dos hotéis é o excesso de vans de passeio que abordam as pessoas, sem critérios ou ordem.

“Sabemos que hoje muitas pessoas buscam alternativas de trabalho, e muitos deles são válidos, mas precisa-se ter uma ordem, uma fiscalização, para que ninguém saia prejudicado, e que os turistas possam desfrutar desses lugares de forma tranquila”, avalia.

“Em muito lugares do mundo que tem o turismo como principal atividade, como é o nosso caso, o ordenamento é respeitado. Ainda não foi discutido como isso seria feito, mas é preciso que a prefeitura de Maceió abra o debate e comece a tirar do papel esta proposta. O trade turístico com certeza seria um grande aliado, e não mediria esforços para buscar soluções para o este problema, sem prejudicar ninguém”, disse.
 

ambulantes calçadão hotéis Maceió ordenamento orla

Veja Também

Comentários