Suspensão

Gilmar Mendes atende a novo pedido de Flávio Bolsonaro e manda parar investigação do caso Queiroz

Ministro também mandou o CNMP investigar o Ministério Público do Rio

POR: O Antagonista
Gilmar Mendes - Ministro do Supremo
Rosinei Coutinho/SCO/STF

Gilmar Mendes atendeu a um novo pedido de Flávio Bolsonaro para paralisar as investigações de que ele é alvo no Ministério Público do Rio de Janeiro, por causa das movimentações suspeitas de Fabrício Queiroz.

Numa reclamação enviada ao STF, o senador disse que continuou tramitando no Tribunal de Justiça dois habeas corpus sobre o caso.

Em agosto, após Dias Toffoli determinar a suspensão da investigação, o tribunal decidiu verificar se o caso do senador se enquadrava na decisão, uma vez que os dados do Coaf que iniciaram a apuração eram de outra pessoa.

A defesa de Flávio Bolsonaro apresentou uma nova ação ao STF no início de setembro, sorteada para Gilmar Mendes. O ministro não só atendeu ao pedido, como mandou o CNMP investigar o Ministério Público do Rio.

Levou em conta um pedido do MP-RJ ao Coaf de dezembro do ano passado que pedia informações adicionais sobre depósitos para Flávio Bolsonaro sem a prévia quebra de sigilo bancário e fiscal.

“Resta claro o descumprimento da decisão proferida por esta Corte”, escreveu o ministro.

Flávio Bolsonaro Gilmar Mendes Ministro Queiroz

Veja Também

Comentários