POLÍTICA

Vereadores reclamam de confusão durante votação para Conselho Tutelar de Maceió

Silvania Barbosa, José Márcio Filho e Luciano Marinho falaram sobre o pleito

POR: 7Segundos
Sessão ordinária na Câmara de Maceió
Assessoria

A vereadora Silvania Barbosa (PRB) denunciou desorganização, desacato e irregularidades na votação para o Conselho Tutelar de Maceió, que ocorreu no domingo (06).

Durante sessão nesta terça-feira (08), ela disse que recebeu uma denúncia sobre problemas na apuração do Cepa. Após termino da votação, eles teriam contado os votos novamente e o resultado teria sido alterado.

Ela foi procurada por candidatos ao conselho e os aconselhou a procurar um advogado e recorrer. Silvania Barbosa disse que chegou a sofrer desacato em uma escola quando tentou organizar a zona eleitoral.

“Votação em urna de lona e cédula de papel todo mundo sabe o que pode acontecer”, afirmou a vereadora.

Em parte, o vereador José Márcio Filho (PSDB) disse que o Ministério Público do Estado (MPE) fez um ótimo trabalho tentando fiscalizar, mas que a culpa da desorganização foi do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), que não cedeu urnas eletrônicas.

Luciano Marinho (PNT) também reclamou da desorganização do pleito. Ele disse que viu candidatos comprando votos abertamente e oferecendo festas e bebidas.

“Ano a ano, são eleitas pessoas que não tem compromisso com a causa das crianças e adolescentes”, disse Luciano Marinho.

O vereador Chico Filho também reclamou sobre a desorganização e o tempo de fila que os eleitores passaram.

Conselho Tutelar de Maceió críticas votação

Veja Também

Comentários