em Satuba

Agressão de estudante em escola viraliza e Polícia Civil entra no caso

Garoto foi espancado com socos, chutes e empurrões

POR: 7Segundos
As imagens viralizaram nas redes sociais com a população pedindo uma providencia
Reprodução/ Vídeo

Um vídeo que em um estudante é espancando por um colega dentro de uma escola estadual no município Satuba viralizou nas redes sociais e a Polícia Civil de Alagoas entrou no caso nesta quinta-feira (07).

Os envolvidos devem se apresentar à delegacia para prestar esclarecimentos.

De acordo com as primeiras informações, os dois garotos teriam sido expulsos de sala por trocarem “cola” durante uma prova.

O vídeo registra momentos depois que a dupla sai da sala. A vítima diz “você falou” e o agressor responde “eu falei, foi? ” e, em seguida, desfere uma série de socos, chutes, empurrões e xingamentos.

As imagens viralizaram nas redes sociais com a população pedindo providências e afirmando que o menino agredido era autista.

Um suposto áudio da mãe do garoto agredido também circulou em aplicativos de mensagens. Ela diz que o menino não é autista e sim “tem essa boa vontade de não reagir ”.

“Se ele reagisse, os bandidos podiam cair de pau em cima dele. Eu acho que isso não é aluno, é bandido. Meu filho não quis fazer o B.O e o Paulo [pai do agressor] se prontificou em pagar médico, remédio e um raio x. Não registrei boletim de ocorrência em respeito ao pai”, explicou.

Em nota, Secretaria de Estado da Educação lamenta e repudia o ato de violência e informa que os dois agressores já foram suspensos pela direção da escola. O Conselho Tutelar foi acionado e as famílias convocadas.

 

 

agressão escola estadual estudante Polícia Civil Satuba

Veja Também

Comentários