EM MACEIÓ

Policial é preso suspeito de matar homem por causa de terreno de R$ 1 milhão

Crime ocorreu no bairro Cidade Universitária no fim de outubro

POR: 7Segundos
Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP)
Assessoria

Um tenente da reversa da Polícia Militar foi preso nesta sexta-feira (8) suspeito de matar um homem por causa de um terreno que valia cerca de R$ 1 milhão.

Luciano de Albuquerque Cavalcante, 48 anos, foi assassinado a tiros dentro de um carro no bairro Cidade Universitária no dia 25 de outubro.

O militar José Gilberto Cavalcante e Wagner Luís das Neves foram presos pelo crime.

Eles estariam tentando negociar o terreno, localizado em Rio Lago, com Luciano e estavam cobrando o valor de R$ 3 mil pela escritura.

Segunda as investigações, Wagner Luís dirigia o veículo e José Gilberto efetuou cinco disparos contra a vítima, próximo ao local em que ele trabalhava.

Os suspeitos foram levados até a Delegacia de Homicídios da Capital e a polícia continua investigando o caso.

avaliado em R$ 1 milhão em Maceió policial por terreno preso por homicídio

Veja Também

Comentários