Em Maceió

Braskem inicia hoje estudo com balsa flutuante na Lagoa Mundaú

Objetivo é avaliar o comportamento no fundo da lagoa, além do solo dos bairros

POR: Redação, com assessoria
Sondagem será feita por empresa especializada
Divulgação/Braskem

A Braskem inicia, nesta segunda-feira (02), um estudo de sondagem na lagoa Mundaú, usando uma balsa flutuante. De acordo com a empresa, o objetivo é ampliar o conhecimento geológico da região e o entendimento do fenômeno que ocorre no Pinheiro, Mutange e Bebedouro.

O trabalho será realizado por uma empresa especializada na área de projetos e estudos ambientais e geológicos.

O método de sondagem é feito através de pequenos furos no solo do leito da lagoa, que permitirão a identificação da profundidade, a espessura da camada de sedimentos e a caracterização geológica até 6 metros abaixo da camada de lama. Ao todo, serão avaliados 30 pontos da lagoa, sempre de segunda à sábado.

A Braskem reforça que o trabalho é silencioso, não provoca resíduos ou ondulação nas margens da lagoa.

Com os resultados, após dois meses será possível avaliar o comportamento no fundo da lagoa, assim como já vem sendo feito nos bairros. O estudo está licenciado pelo Instituto do Meio Ambiente (IMA).

Braskem Estudo Lagoa Mundaú sondagem

Veja Também

Comentários