política

Deputados são chamados de “traidores” ao aprovarem reforma da AL Previdência

Votação ocorreu com as portas fechadas e com o reforço do Bope

POR: 7Segundos
Deputados aprovaram o projeto em sessão na Assembleia Legislativa
Assessoria

Servidores públicos se reuniram na frente da Assembleia Legislativa (ALE) durante a sessão que apreciou o texto da reforma da AL Previdência na tarde desta terça-feira (10) e chamaram os deputados estaduais de “traidores”.

Com faixas e fogos de artifícios, os trabalhadores tentaram chamar a atenção dos membros da Casa de Tavares Bastos que se isolaram com a ajuda do reforço na segurança.

Um dos pontos que gerou discussão foi a alíquota de contribuição em 14% nas contribuições. “Uma reforma da previdência justa é aquela que busca um equilíbrio financeiro, mas que não prejudique aqueles que recebem mais próximo do salário mínimo”, disse Jó Pereira.

Davi Maia lembrou que o desconto maior deveria ocorrer com os maiores salários. “Desse jeito não estamos acabando com privilégios. Deputados, como nós, juízes, desembargadores, esses sim devem ter os maiores descontos”.

Antônio Albuquerque criticou os demais deputados durante a discussão. “Fico triste com o silêncio dos meus colegas durante a votação”.

Sobre as portas fechadas, o presidente da Casa, Marcelo Victor, aproveitou e fez uma crítica sutil ao Governo. “Peço desculpa, pois foi eu quem pediu para que as portas fossem fechadas, mas garanti o livre acesso à 50 pessoas para evitar confrontos e que as pessoas não se machuquem, mais do que vão ser machucadas com essa reforma da previdência”.

O projeto foi aprovado e deve ser sancionado pelo governador Renan Filho em até 60 dias.

AL previdência Alagoas Assembleia reforma

Veja Também

Comentários