NO CEPA

Alunos e professores protestam e procuram Defensoria contra fim de escola

Seduc está realocando estudantes das unidades localizadas em áreas de risco

POR: 7Segundos
Escola Estadual José Correia da Silva Titara fica localizada no Cepa
Reprodução/FECEAL

Estudantes, professores e representantes do Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Alagoas (Sinteal) estão denunciando o fechamento da Escola Estadual José Correia da Silva Titara, primeira unidade de ensino implantada no Cepa.

De acordo com o Sinteal, a escola será transferida para a região da Massagueira, no município de Marechal Deodoro. Os alunos seriam realocados para escolas de ensino regular em Maceió, perdendo, assim, os cursos profissionalizantes oferecidos pela Escola Titara.

Alunos e pais fizeram um ato em frente a unidade escolar, localizada no bairro do Farol, nesta terça-feira (14). Em seguida, junto ao Sinteal, seguiram para uma reunião na sede da Defensoria Pública do Estado.

Em nota, a Secretaria de Estado da Educação (Seduc) não confirmou o fechamento ou transferência da unidade escolar, mas disse que está realocando os estudantes das escolas localizadas em áreas de risco apontadas pela Defesa Civil e CPRM.

 

Alunos contra de Defensoria é escola fim procuram Professores protestam

Veja Também

Comentários