ECONOMIA

Em Missão Empresarial, Fecomércio levará empresários alagoanos à China

Ação acontece de 11 a 23 de abril. Grupo visitará a primeira fase da Canton Fair e o mercado de Yiwu

POR: Fecomércio
Ação acontece de 11 a 23 de abril. Grupo visitará a primeira fase da Canton Fair e o mercado de Yiwu
Assessoria

Os empresários alagoanos já podem se programar: de 11 a 23 de abril, a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Alagoas (Fecomércio AL) realizará uma Missão Empresarial à China. Será a terceira edição com rumo ao país asiático com para visitas à primeira fase da Canton Fair e ao mercado de Yiwu.

De acordo com dados do Ministério da Economia, Indústria, Comércio Exterior e Serviços (Mdic), a China foi o maior exportador de produtos para o mercado brasileiro em 2019. Entre os meses de janeiro e novembro, as transações movimentaram US$ 32,66 bilhões de dólares (valor FOB), sendo os produtos manufaturados os grandes responsáveis por essa movimentação.

Os empresários alagoanos tiveram uma parcela de contribuição nesse desempenho. Segundo o consultor em Comércio Exterior da Fecomércio, Luizandré Barreto, a primeira missão empresarial à China realizada em abril de 2019, com 22 participantes, gerou a movimentação de US$ 1,5 milhão de dólares (free on board) em mercadorias negociadas. Como a entidade ainda realizou uma nova missão ao país asiático em outubro passado, o volume certamente foi maior.

“O nosso objetivo maior é levar os empresários a conhecerem produtos de qualidade a preços acessíveis, prospectando negócios e viabilizando novas oportunidades de crescimento”, ressalta o consultor.

Canton Fair

Há mais de seis décadas, a Canton Fair – ou Feira de Cantão – acontece em duas e edições anuais na província de Guangzhou. São mais de 150 mil produtos expostos num espaço de 1.185 m2, criando um vínculo econômico com mais de 200 países e fazendo girar, em média, US$ 29,86 bilhões de dólares. São cerca de 190 mil visitantes e pouco mais de 25,5 mil expositores por edição.

O grupo alagoano visitará a primeira fase da feira, contemplando segmentos como eletrônicos e eletrodoméstico, equipamentos de iluminação, veículos e auto-peças, máquinas, ferragens e ferramentas, materiais de construção e produtos químicos. A programação também inclui o mercado de Yiwu, conhecido como maior mercado atacadista do mundo de produtos de pequeno porte, abastecido por 58 mil fornecedores chineses. Por isso, não é de se espantar que tenha em exposição 410 mil tipos de bens de consumo comercializados a preço de fábrica.

A comercialização dos pacotes já foi inicializada pela Fecomércio, que possibilita o pagamento de forma parcelada. Entre outros pontos, o pacote inclui a inscrição na feira; o seguro viagem e o visto chinês para brasileiros. Informações: 82 3026-7200.

Alagoas investimento Maceió notícias programação

Veja Também

Comentários