PORNOGRAFIA INFANTIL

Vendedor ambulante é preso por se masturbar na orla de Maceió

Suspeito foi flagrado assistindo vídeos e vendo fotos de crianças

POR: Redação, com assessoria
Ronda no Bairro prende homem que praticava ato obsceno na orla de Maceió
André Palmeira

Agentes de proximidade do Programa Ronda no Bairro, do Governo do Estado, prenderam um homem de 43 anos suspeito de se masturbar vendo fotos e vídeos de crianças por trás da Feirinha de Artesanato da Pajuçara, nesta terça-feira (04).

A guarnição fazia patrulhamento de rotina pela região quando avistou populares praticando linchamento contra o suspeito e, ainda sem ter ciência total do fato, se aproximou, visando garantir a integridade física do homem. 

Aos agentes, os populares contaram ter visto o suspeito, que trabalha como vendedor ambulante na região, assistindo a vídeos e vendo fotos de crianças - algumas com caráter pornográfico - e se masturbando em via pública.

Após as denúncias, a guarnição abordou o homem e recolheu o aparelho celular que estava sob sua posse, no qual foram encontrados registros de crianças e adolescentes feitos por ele na praia e outros retirados da internet.

O homem recebeu voz de prisão e, embora tenha negado ter se masturbado ali, confessou que, em casa, costumava praticar o ato com os tais registros. 

Ele foi encaminhado à Central de Flagrantes I, no Farol, onde ficou detido pelo crime de Ato Obsceno, com base no artigo 233 do Código Penal Brasileiro (CPB), e por “adquirir, armazenar, por qualquer meio, fotografia, vídeo ou outra forma de registro que contenha cena de sexo explícito envolvendo criança ou adolescente”, com base no artigo 241 B do Estatuto da Criança e do Adolescentes (ECA).

ato obsceno Maceió orla Ronda no Bairro

Veja Também

Comentários