8 de março

MP e parceiros promovem campanha #TodoDiaéDela na orla de Maceió

Atividades na praia da Pajuçara aludem valorização à mulher e de combate à violência doméstica

POR: Assessoria
Novo procurador-geral de Justiça, Márcio Tenório, participa pessoalmente de ação
Ascom MPE

Neste domingo (8), Dia Internacional da Mulher, o Ministério Público Estadual de Alagoas (MPAL) foi às ruas para conversar com a população sobre diversas temas, dentre eles, a valorização da mulher e o combate à violência doméstica e familiar. Num evento que ocorreu na Praia da Pajuçara, em Maceió, também foi ofertada uma variedade de serviços, a exemplo de distribuição de panfletos da campanha #TodoDiaéDela, divulgação de cursos para o gênero feminino, entrega de brindes, orientações sobre a saúde da mulher e aulas de dança. 

O evento foi promovido pela Núcleo de Defesa da Mulher do MPAL, ligado ao Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Justiça (Caop), e contou com o apoio da Procuradoria-Geral de Justiça. “Simbolicamente, a data de 8 de março faz uma homenagem à mulher no mundo inteiro, porém, no nosso Ministério Público, como bem diz a campanha de hoje, todos os dias são delas. A instituição em que trabalhamos valoriza a mulher que é procuradora e promotora de justiça, servidora, colaboradora e estagiária. Sabemos da importância de cada uma para que as atividades funcionais aconteçam com firmeza e ternura ao mesmo tempo. E, para além disso, saímos dos nossos gabinetes para dizer à população de uma forma geral que é preciso respeitar toda e qualquer mulher na sua condição de gênero, de profissional, de mãe, companheira, filha, amiga e de tudo mais que ela quiser ser”, declarou o procurador-geral de justiça, Márcio Roberto Tenório de Albuquerque. 

“Temos orgulho de vocês e o nosso desejo é de que sejam imensamente felizes, todos os dias”,  acrescentou ele.

Serviços

Durante toda a manhã, houve bate-papo com as pessoas que passavam pela rua e a distribuição de material educativo sobre a importância da valorização da mulher e da necessidade do enfrentamento à violência doméstica e familiar. “Infelizmente, o Brasil ainda é um país onde muitas mulheres são alvo desse tipo de crime. O feminicídio faz cada vez mais vítimas e as instituições precisam combater o agressor. Distribuímos muito material de cunho conscientizador, dialogamos a respeito da Lei Maria da Penha e reforçamos a necessidade da quebra do silêncio e a consequente denúncia contra o homem que pratica a violência”, destacou a promotora de justiça Hylza Paiva. 

Outras atividades também fizeram parte do evento, a exemplo da distribuição de brindes e salada de frutas, dicas e orientações sobre a saúde da mulher e saúde bucal, atendimento de equipe multidisciplinar (enfermeira, psicóloga, assistente social e nutricionista), aferição de pressão arterial e verificação de índice glicêmico, testes rápidos de HIV, sífilis e hepatites virais, doação de mudas e pintura facial. 

O domingo também contou com a participação de profissionais que fizeram fisioterapia expositiva, dermato funcional e liberação miofacial, além de aulas de alongamento, dança e zumba. 

E para que todas essas atividades pudessem ser realizadas, o Ministério Público Estadual de Alagoas contou com a parceria do Sesc, da Unit, da Uninassau, da Estácio, da Prefeitura de Maceió, da Unimed, da clínica Cliom, da associação AME, do Sest/Senat, da Suprema Entretenimento e da empresa Natura.

7Segundos ação social Dia da Mulher Maceió Ministério Público MP orla Praia da Pajuçara

Veja Também

Comentários