FISCALIZAÇÃO

Força-tarefa segue com fiscalização para enfrentamento da covid-19

Mesmo com decretos governamentais, ainda são flagradas aglomerações nas ruas de Maceió

POR: Secom Maceió
Força Tarefa de Alagoas
Reprodução

Nesse domingo (5), a fiscalização seguiu para fazer cumprir os decretos que determinam o fechamento de estabelecimentos e serviços não considerados como essenciais, como uma das medidas de enfrentamento à pandemia mundial da Covid 19. A força-tarefa integrada entre os governos do Estado e Município tem atuado mediante rondas e atendendo às denúncias que chegam via telefone.

Diariamente, as equipes se encontram em Jaraguá, onde funciona a sede da Secretaria Municipal de Segurança Comunitária e Convívio Social (Semscs) – que participa com a Fiscalização de Posturas e a Guarda Municipal. Além da Semscs, participam também a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) – com a Vigilância Sanitária; Secretaria Municipal de Trabalho, Abastecimento e Economia Solidária (Semtabes); e Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT). E ainda, a Polícia Militar de Alagoas – com o Bope – e o Corpo de Bombeiros também integram as equipes.

Resultados do dia

Das 35 (trinta e cinco) denúncias registradas no domingo, oito eram sobre aglomeração para ‘rachas’ de futebol, tanto na região da orla marítima, quanto na parte alta da cidade; os jogos foram paralisados e as pessoas se dispersaram após as orientações da fiscalização. Também chegaram denúncias sobre templos religiosos, lojas e bares abertos.

Ao averiguar a denúncia sobre um bar que estaria funcionando no Jacintinho, os fiscais constaram que o estabelecimento não estava em funcionamento, mas estava acontecendo uma festa com aglutinação de pessoas e som alto. Após orientação, a festa foi encerrada e as pessoas saíram.

As rondas foram realizadas no Jacintinho, Pontal, Sobral, Trapiche, Ponta Grossa, Vergel, Levada, Pajuçara, Ponta Verde, Jatiuca e Jaraguá, além das orlas marítima e lagunar. Outras abordagens foram realizadas em quadras esportivas para dispersão de aglomerações, inclusive na área lagunar, onde um grupo tomava banho na lagoa e outros grupos consumiam bebidas alcoólicas.

“Estamos vivendo um momento crucial no combate à proliferação dos casos da Covid 19 e o isolamento social é necessário para não sobrecarregar o sistema de saúde, conforme orienta a Organização Mundial de Saúde (OMS)”, alerta o secretário-adjunto de Segurança Comunitária e Convívio Social, Dogival Ferreira.

Denúncias

Os números de telefones para denúncias de descumprimento dos decretos são:

– 3312- 5277 (disque-denúncia da Semscs) – das 8h às 22h, diariamente, inclusive feriados e finais de semana

– 190 (Polícia Militar)

– 181 (Secretaria de Segurança Pública)

aglomeração Alagoas Covid-19 fiscalização Geral Maceió notícias pandemia

Veja Também

Comentários