Meio Ambiente

Coleta de resíduos nas praias de Maceió tem redução de 33%

Dados são da Superintendência Municipal de Desenvolvimento Sustentável

POR: Secom Maceió
Garis realizam limpeza na orla de Maceió
Pei Fon/ Secom Maceió

Com o isolamento social, a circulação de pessoas na orla de Maceió reduziu e, consequentemente, a geração de resíduos sólidos também. A Prefeitura de Maceió, por meio da Superintendência Municipal de Desenvolvimento Sustentável (Sudes), registrou uma redução de 33% na coleta de resíduos encontrados nas praias durante o mês de abril.

Antes do isolamento, eram coletadas cerca de 30 toneladas por dia. No cenário atual, este número caiu para 20 toneladas por dia, o que representa uma redução de 33%, se comparado a meses anteriores.

A redução é reflexo das medidas adotadas pela Prefeitura de Maceió em relação ao novo coronavírus, sobretudo o fechamentos de quiosques, barracas, ausência de ambulantes e de pessoas circulando no local, o que normalmente gera um alto consumo de produtos e consequente produção de resíduos para descarte.

Em contrapartida, ainda se observa uma quantidade significativa de resíduos na faixa de areia da praia, especialmente após os eventos de chuva registrados nos últimos dias. Por esta razão, o superintendente Gustavo Acioli Torres faz um apelo à população com o descarte irregular.

“A gente pede sempre para que as pessoas utilizem os espaços adequados para descarte de resíduos, evitando jogar na rua ou nas praias, que isso só traz danos ao meio ambiente”, explica Torres.

coleta isolamento social Lixo Maceió praia Sudes

Veja Também

Comentários